PesquisaFase I: 2001-2004

FASE I: 2001-2004



De 2001 a 2004, foi desenvolvido um primeiro conjunto de atividades no âmbito do projeto Cepid/Fapesp. O CEM teve como parceiros a Fundação Seade, a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) da USP, a Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP e o SESC/SP.

LINHAS DE PESQUISA:

  1. O uso do tempo livre e as práticas culturais na RMSP
  2. A dinâmica religiosa na RMSP
  3. Caracterização do perfil sociodemográfico da audiência de televisão na RMSP

1. O uso do tempo livre e as práticas culturais na RMSP

O objetivo desta pesquisa é fazer um reconhecimento das opções feitas pelos habitantes envolvendo aquilo que se pode chamar de práticas culturais, tanto do ponto de vista das manifestações eruditas quanto populares. Desta forma, pretende-se detectar novas práticas, novas formas de sociabilidade, novos usos do espaço público, os usos do espaço privado e a posse de equipamentos/bens de natureza cultural. Pode-se assim, espelhar os diferentes públicos e seu comportamento (proximidade ou distanciamento) frente a determinadas práticas.

Levantamento dos equipamentos culturais na RMSP

O levantamento de equipamentos culturais da RMSP, não previsto no projeto inicial da Área de Cultura do CEM, é constituído por bases referentes a equipamentos culturais públicos e privados (cinemas, bibliotecas, teatros, etc.) e bens históricos tombados. Atualizado até 2002, é fundamental para a análise espacial dos dados obtidos na pesquisa sobre as práticas culturais e o uso do tempo livre e já foi utilizado nos trabalhos “Os equipamentos culturais na cidade de São Paulo: um desafio para a gestão pública” e “Equipamentos e serviços culturais na região central do município de São Paulo” (no prelo).

- Botelho, Isaura e Fiore, Mauricio - 2005 - O uso do tempo livre e as práticas culturais na Região Metropolitana de São Paulo - Relatório da primeira etapa da pesquisa (Download do arquivo - 1.130 KB)

Coordenadora: Isaura Botelho

Pesquisador: Mauricio Fiore


2. A dinâmica religiosa na RMSP

Esta pesquisa tem como ponto de partida as transformações ocorridas no campo religioso brasileiro nas últimas três décadas. Tais mudanças, que ocorreram de maneira mais acentuada nos grandes centros urbanos, resultaram na diversificação das alternativas religiosas e no intenso trânsito de pessoas entre elas. A proposta geral deste projeto é desenhar a configuração atual deste campo e compreender como a religiosidade é vivida no contexto de uma metrópole, com enfoque nos seguintes aspectos: o trânsito religioso, tanto a mobilidade de pessoas quanto de práticas e crenças; a ocupação e os usos da cidade pelas religiões; e a rede de solidariedade formada por elas que contribui para maior inclusão social de uma parcela da população.

Coordenador: Ronaldo M. Almeida

Pesquisadores: Amanda Albuquerque Gross, Ariana De Cássia Rumstain, Tiaraju Pablo D`Andrea


3. Caracterização do perfil sociodemográfico da audiência de televisão na RMSP

O projeto pretende caracterizar o perfil socioeconômico da audiência televisiva, visando a compreensão das práticas culturais metropolitanas. O projeto compara o universo dos consumidores (por meio das pesquisas de audiência) com o universo dos cidadãos, analisando as disjunções entre mercado e sociedade. A pesquisa terá como base um arquivo inédito do Ibope depositado na Unicamp.

Coordenadora: Esther I. Hamburguer

Pesquisadora: Heloísa Buarque de Almeida

Apoio
cepid
usp
fapesp
cebrap